o meu refrigerador ainda não funciona
Home Mensagem about Arquivo Theme

bem-vindos à orgia niilista


eu ando meio maravilhado com essa coisa toda eu to com essa coisa no peito…. ESSA COISA NO PEITO ESSA COISA essa coisa que eu não aguento EU NÃO ME AGUENTO CORISCO EU NÃO AGUENTO NÃO DÁ EU PRECISO EU PRECISO EU PRECISO BOTAR PRA FORA CORISCO PRA FORA não cara perai calma cara não pensa bem raciocina eu não sabia que eu merecia isso tudo estou lisonjeado mas CÊ NÃO TÁ ENTENDENDO EU PRECISO BOTAR PRA FORA CORISCO EU PRECISO PELO AMOR DE DEUS

the kinks.

the kinks cara.

the kinks é muito bom.

the kinks é tipo… 

sei lá.

the kinks.

the kinks the kinks the kinks the kinks.

se eu pudesse eu ouviria the kinks todo dia.

eu acordaria ouvindo the kinks e deitaria ouvindo the kinks.

eu ouviria the kinks dormindo, e nos meus sonhos seria como se eu estivesse num sonho the kinks.

eu comeria the kinks no café da manhã. eu almoçaria the kinks e jantaria the kinks. 

eu iria pra todo lugar ouvindo the kinks. faria todo tipo de coisa the kinks. 

veria filmes com the kinks. dividiria o chiclete com the kinks. brincaria com o isaac com the kinks. iria ao parque discutir caetano planejar bobagens com the kinks. me vestiria de the kinks e sentiria por alguns breves instantes como é ser the kinks.

se eu tivesse coragem eu pegava um ônibus pra the kinks. tomar um café com the kinks. me casar com the kinks numa igrejinha do interior com um velhinho the kinks tocando the kinks no piano e ser desposado por the kinks na noite de núpcias.

eu falaria merda com the kinks. metido a engraçadinho com the kinks. falaria coisas das quais eu me envergonharia para todo o sempre e todo dia antes de dormir eu me lembraria delas e teria pensamentos horríveis e intermináveis sobre eu ter estragado tudo com the kinks e que eu serei sempre eu e the kinks será sempre the kinks.

se eu não fosse tão chato com the kinks.

se eu fosse um pouquinho mais the kinks.

ou the byrds.

Terça-feira, 8 Jul, 2014
3 notas
Reblogar
eu ando meio maravilhado com essa coisa toda eu to com essa coisa no peito…. ESSA COISA NO PEITO ESSA COISA essa coisa que eu não aguento EU NÃO ME AGUENTO CORISCO EU NÃO AGUENTO NÃO DÁ EU PRECISO EU PRECISO EU PRECISO BOTAR PRA FORA CORISCO PRA FORA não cara perai calma cara não pensa bem raciocina eu não sabia que eu merecia isso tudo estou lisonjeado mas CÊ NÃO TÁ ENTENDENDO EU PRECISO BOTAR PRA FORA CORISCO EU PRECISO PELO AMOR DE DEUS
the kinks.
the kinks cara.
the kinks é muito bom.
the kinks é tipo… 
sei lá.
the kinks.
the kinks the kinks the kinks the kinks.
se eu pudesse eu ouviria the kinks todo dia.
eu acordaria ouvindo the kinks e deitaria ouvindo the kinks.
eu ouviria the kinks dormindo, e nos meus sonhos seria como se eu estivesse num sonho the kinks.
eu comeria the kinks no café da manhã. eu almoçaria the kinks e jantaria the kinks. 
eu iria pra todo lugar ouvindo the kinks. faria todo tipo de coisa the kinks. 
veria filmes com the kinks. dividiria o chiclete com the kinks. brincaria com o isaac com the kinks. iria ao parque discutir caetano planejar bobagens com the kinks. me vestiria de the kinks e sentiria por alguns breves instantes como é ser the kinks.
se eu tivesse coragem eu pegava um ônibus pra the kinks. tomar um café com the kinks. me casar com the kinks numa igrejinha do interior com um velhinho the kinks tocando the kinks no piano e ser desposado por the kinks na noite de núpcias.
eu falaria merda com the kinks. metido a engraçadinho com the kinks. falaria coisas das quais eu me envergonharia para todo o sempre e todo dia antes de dormir eu me lembraria delas e teria pensamentos horríveis e intermináveis sobre eu ter estragado tudo com the kinks e que eu serei sempre eu e the kinks será sempre the kinks.
se eu não fosse tão chato com the kinks.
se eu fosse um pouquinho mais the kinks.
ou the byrds.

orvalho brotando relva vertendo folhagem caindo dos meus poros abertos tudo é tudo terrivelmente tremendamente xuxu beleza mentiroso aberto para todas as coisas abertas que a florzinha tá naquele estágio da vida que a gente sabe bem e que ao mesmo tempo a gente entende muito pouco, que a gente tem cabelo assim que a gente tem cabelo assado que a gente tem saco e que a gente tem MEDO florzinha brochada que é tudo tudo tudo divino maravilhoso tudo jóia tudo superbacana tudo xuxu beleza cafona abre interior vulnerável solta odor variável reproduz inconsistência MEDO desabrocha percebe vulcão vulnerável e para além desabrocha percebe ignorância do MEDO de temporal um trovão tímido de timidez errante através do tempo, de um tempo que erra o tempo e que tá sempre do nosso lado errando junto junto junto com a gente gente gente SANGRA flor SANGRA, que em todo não há um sim que o que tá fora é o que tá dentro e vice versa que isso tudo é tudo tudo tudo muito pequeno demais e às vezes tudo é tudo tão pequeno demais que tudo não cabe nem mais dentro e fora da gente que até o próximo erro que ABRE flor ABRE tudo que todo norte é sul e todo cima é baixo quando a gente tá de cabeça pra baixo e

tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo  tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo

é

xuxu beleza.

Domingo, 29 Jun, 2014
3 notas
Reblogar
orvalho brotando relva vertendo folhagem caindo dos meus poros abertos tudo é tudo terrivelmente tremendamente xuxu beleza mentiroso aberto para todas as coisas abertas que a florzinha tá naquele estágio da vida que a gente sabe bem e que ao mesmo tempo a gente entende muito pouco, que a gente tem cabelo assim que a gente tem cabelo assado que a gente tem saco e que a gente tem MEDO florzinha brochada que é tudo tudo tudo divino maravilhoso tudo jóia tudo superbacana tudo xuxu beleza cafona abre interior vulnerável solta odor variável reproduz inconsistência MEDO desabrocha percebe vulcão vulnerável e para além desabrocha percebe ignorância do MEDO de temporal um trovão tímido de timidez errante através do tempo, de um tempo que erra o tempo e que tá sempre do nosso lado errando junto junto junto com a gente gente gente SANGRA flor SANGRA, que em todo não há um sim que o que tá fora é o que tá dentro e vice versa que isso tudo é tudo tudo tudo muito pequeno demais e às vezes tudo é tudo tão pequeno demais que tudo não cabe nem mais dentro e fora da gente que até o próximo erro que ABRE flor ABRE tudo que todo norte é sul e todo cima é baixo quando a gente tá de cabeça pra baixo e
tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo  tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo tudo
é
xuxu beleza.

livre associação na cama apostando telepatia, furo o dedo no outro lado consciência e ainda haverá um dia em que tudo vai ser só o começo de qualquer coisa, atravessar a parede de minhocas pilhas de minhocas caindo pingos de chuva muro molhado mundo seco mundo não mundo gozado peixe-peixe você sabe o que é isso bile negra em grego antigo melagcholía todos os peixes tem isso glub glub melagcholía minha linha de orientação chega e vai embora luz negra bile negra chega e vai embora melagcholía esperando flutuando respirando eternamente na água negra da malásia respirando tudo acertando dissolvendo misturando tudo fio desencapado tempo e vai embora o começo de tudo comer plástico comer tempo comer você agonia e vai embora no outro lado da parede eu vejo algo eu vejo você melagcholía eu não vejo você vejo outra coisa abraçar você o dia em que tudo vai ser o começo agonia do que a gente quiser ser até lá flutuando atravessando afundando afogando afundando fio desencapado e vai embora glub glub o começo de tudo por cima por cima por cima por baixo respirando glub glub minhas armas são armas e elas são apenas minhas armas são armas sintonização apenas minhas de tudo o que a gente quiser ser respirando minhas armas hay que rejuvenescer o começo de tudo pero sin perder la melancolía jamás flutuando o que a gente quiser ser na cama.

Segunda-feira, 16 Jun, 2014
53 notas
Reblogar
livre associação na cama apostando telepatia, furo o dedo no outro lado consciência e ainda haverá um dia em que tudo vai ser só o começo de qualquer coisa, atravessar a parede de minhocas pilhas de minhocas caindo pingos de chuva muro molhado mundo seco mundo não mundo gozado peixe-peixe você sabe o que é isso bile negra em grego antigo melagcholía todos os peixes tem isso glub glub melagcholía minha linha de orientação chega e vai embora luz negra bile negra chega e vai embora melagcholía esperando flutuando respirando eternamente na água negra da malásia respirando tudo acertando dissolvendo misturando tudo fio desencapado tempo e vai embora o começo de tudo comer plástico comer tempo comer você agonia e vai embora no outro lado da parede eu vejo algo eu vejo você melagcholía eu não vejo você vejo outra coisa abraçar você o dia em que tudo vai ser o começo agonia do que a gente quiser ser até lá flutuando atravessando afundando afogando afundando fio desencapado e vai embora glub glub o começo de tudo por cima por cima por cima por baixo respirando glub glub minhas armas são armas e elas são apenas minhas armas são armas sintonização apenas minhas de tudo o que a gente quiser ser respirando minhas armas hay que rejuvenescer o começo de tudo pero sin perder la melancolía jamás flutuando o que a gente quiser ser na cama.

veja o que você fez cagou tudo shame on you fez parecer um corpo sem peles só pelos queria fazer carinho :( desculpa diz o pequeno adolf misqueci istava mto cupado bincando cumeus pilinhos.

não vá se acostumando pequeno adolf, a vida é assim até que a sua almacansadapenada se afunda no chão. às vezes eu fico pensando se na realidade tá tudo aberto e eu fui abortado por lilith, mas às vezes abre mundo fecha mundo abre mundo fecha mundo abre mundo fecha mundo e o pobre adolf de fora. acho que é isso que acontece.

é isso que acontece né?

é, é isso que acontece.

quer dizer, acho que é isso que acontece. 

é, é isso que acontece sim. EU TAVA RENDIDO

eu sei mas às vezes o mundo só está eternamente aberto eternamente tesão eternamente chorando. o mundo é problema e problema é quando abre mundo fecha mundo abre mundo fecha mundo abre mundo fecha mundo e escapa um beijinho de outra alma abortada …………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

quer dizer é tudo uma questão de tempo, ou seja todos estamos nessa grande nave essa consciência única INFERIOR em contínua expansão e por isso cada um de nós temos nosso próprio tempo e temos que respeitar de maneira mútua bonitinha OMISSA o tempo uns dos outros. porque quando a eternidade acabar, a gente se pega.

no pau.

e até mesmo o pequeno adolf tem o seu próprio tempo não é mesmo pequeno adolf é sim é sim oh bubububu não vai invadir a polônia não menino o senhor vai ser artista caminha pegar a tinta guache cade o pincelzinho perdeu.

pilinho pilinho diz o pequeno adolf i wanna touch you mentir pra você hurt you lamber você tchutchutchu você gosta de tchutchutchu eu gosto eu gosto diz o pelinho então tchutchutchuuuuuu 

tchutchutchuuuuuuuuuuuu

tchutchutchuuuuuuuuuuuuuu *fade out*

quando chegar o tempo certo o pequeno adolf vai abrir os olhos e vai ver o mundo exatamente bem do jeitinho que ele é:

fechado. 

mas é só uma questão de tempo até ele achar o pincelzinho.

Quarta-feira, 11 Jun, 2014
2 notas
Reblogar
veja o que você fez cagou tudo shame on you fez parecer um corpo sem peles só pelos queria fazer carinho :( desculpa diz o pequeno adolf misqueci istava mto cupado bincando cumeus pilinhos.
não vá se acostumando pequeno adolf, a vida é assim até que a sua almacansadapenada se afunda no chão. às vezes eu fico pensando se na realidade tá tudo aberto e eu fui abortado por lilith, mas às vezes abre mundo fecha mundo abre mundo fecha mundo abre mundo fecha mundo e o pobre adolf de fora. acho que é isso que acontece.
é isso que acontece né?
é, é isso que acontece.
quer dizer, acho que é isso que acontece. 
é, é isso que acontece sim. EU TAVA RENDIDO
eu sei mas às vezes o mundo só está eternamente aberto eternamente tesão eternamente chorando. o mundo é problema e problema é quando abre mundo fecha mundo abre mundo fecha mundo abre mundo fecha mundo e escapa um beijinho de outra alma abortada …………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………
quer dizer é tudo uma questão de tempo, ou seja todos estamos nessa grande nave essa consciência única INFERIOR em contínua expansão e por isso cada um de nós temos nosso próprio tempo e temos que respeitar de maneira mútua bonitinha OMISSA o tempo uns dos outros. porque quando a eternidade acabar, a gente se pega.
no pau.
e até mesmo o pequeno adolf tem o seu próprio tempo não é mesmo pequeno adolf é sim é sim oh bubububu não vai invadir a polônia não menino o senhor vai ser artista caminha pegar a tinta guache cade o pincelzinho perdeu.
pilinho pilinho diz o pequeno adolf i wanna touch you mentir pra você hurt you lamber você tchutchutchu você gosta de tchutchutchu eu gosto eu gosto diz o pelinho então tchutchutchuuuuuu 
tchutchutchuuuuuuuuuuuu
tchutchutchuuuuuuuuuuuuuu *fade out*
quando chegar o tempo certo o pequeno adolf vai abrir os olhos e vai ver o mundo exatamente bem do jeitinho que ele é:
fechado. 
mas é só uma questão de tempo até ele achar o pincelzinho.

pro final eu imaginei algo como o chão deitado de uma gruta subterrânea dizendo ‘pára, assim você tá apertando o meu jeans’, abelhas muito irônicas zumzando e fazendo PEM PEM PEM PEM PEM de uma maneira irônica, é claro hahahah por que isso foi engraçado? e algo sobre não querer ser perfeito também, mas isso eu imaginei pro final.

mas que cheiro é esse ah não isaac pelo amor de deus você não tem coração desse jeito ninguém vai querer ficar do teu lado seja mais cortês isaac tudo o que eu peço é um pouco de cortesia o povo não foi às ruas exigindo os seus direitos civis lutou contra a ditadura levou tapa na cara pra depois viver esse desrespeito as coisas não funcionam assim, confesso que depois disso eu fiquei um pouco triste, isaac, sinceramente, você precisa aprender a respeitar os espaços das pessoas, as pessoas são feitas de amor mas elas também são feitas de espaços que por sua vez são feitos de mais amor e mais outros espaços e que por sua vez são feitos de PÃO, entende? TÁ TUDO INTERLIGADO ISAAC TU CONSEGUE ENTENDER ONDE EU QUERO CHEGAR????

*sigh*

de qualquer forma o que eu espero que fique claro é que eu só quero o teu bem, e que por você ser um CÃO, a sua condição de CÃO não permite que você seja nada além de um CÃO, ou seja, se você não quiser ser um CÃO tudo bem é a sua escolha individual arque com as consequências embora eu não simpatize com essa coisa de ficar se comparando aos outros o tempo todo eles são eles e você é você e você é um CÃO seja resiliente isaac tá eu sempre vou querer o teu bem não se esqueça disso espera que cheiro é esse puta que pariu isaac de novo não você só pode estar brincando comigo.

Quarta-feira, 4 Jun, 2014
2 notas
Reblogar
pro final eu imaginei algo como o chão deitado de uma gruta subterrânea dizendo ‘pára, assim você tá apertando o meu jeans’, abelhas muito irônicas zumzando e fazendo PEM PEM PEM PEM PEM de uma maneira irônica, é claro hahahah por que isso foi engraçado? e algo sobre não querer ser perfeito também, mas isso eu imaginei pro final.
mas que cheiro é esse ah não isaac pelo amor de deus você não tem coração desse jeito ninguém vai querer ficar do teu lado seja mais cortês isaac tudo o que eu peço é um pouco de cortesia o povo não foi às ruas exigindo os seus direitos civis lutou contra a ditadura levou tapa na cara pra depois viver esse desrespeito as coisas não funcionam assim, confesso que depois disso eu fiquei um pouco triste, isaac, sinceramente, você precisa aprender a respeitar os espaços das pessoas, as pessoas são feitas de amor mas elas também são feitas de espaços que por sua vez são feitos de mais amor e mais outros espaços e que por sua vez são feitos de PÃO, entende? TÁ TUDO INTERLIGADO ISAAC TU CONSEGUE ENTENDER ONDE EU QUERO CHEGAR????
*sigh*
de qualquer forma o que eu espero que fique claro é que eu só quero o teu bem, e que por você ser um CÃO, a sua condição de CÃO não permite que você seja nada além de um CÃO, ou seja, se você não quiser ser um CÃO tudo bem é a sua escolha individual arque com as consequências embora eu não simpatize com essa coisa de ficar se comparando aos outros o tempo todo eles são eles e você é você e você é um CÃO seja resiliente isaac tá eu sempre vou querer o teu bem não se esqueça disso espera que cheiro é esse puta que pariu isaac de novo não você só pode estar brincando comigo.

eu tentava parar mas sempre que eu parava o meu pulmão começava a cuspir essa gosma pegajosa e nojenta, e eu pensava essa gosma precisa ir para algum lugar, e na melhor das intenções eu oferecia a minha gosma para o macaco gordo, porque afinal de contas ele é gordo e come de tudo, mas ele bateu na minha mãe e disse isso não é do teu feitio olha pra mim tu acha que precisava fazer isso eu nunca precisei fazer isso engole essa gosma.

nessa época todo dia eu saía de casa e via o palhacinho do outro lado da rua me olhando, e eu dava bom dia pra ele bom dia palhacinho bom dia menino-hitler hahaha que engraçado vamos brincar? outro dia palhacinho outro dia, nessa época todo dia também eu caminhava pela calçada e via a flor mais bonita do mundo rindo de mim e eu falava flor, você é a flor mais bonita do mundo, mas é uma flor muito má, e a flor hahahahahahahaha.

uma vez eu quase fiquei amigo da flor mais bonita do mundo, eu tava caminhando pela calçada e eu vi a flor, e ela começou a rir de mim, e eu disse flor, você é a flor mais bonita do mundo, mas é uma flor muito má, e ela hahahahahaha, e então eu expliquei pra ela que se eu quisesse eu arrancava as raízes dela do chão esmagava as pétalas dela e dava pro meu cachorro comer, mas na mesma hora chegou o macaco gordo BUM BUM BUM e estragou tudo, dizendo isso não é do teu feitio olha pra mim tu acha que precisava fazer isso eu nunca precisei fazer isso engole, e a flor hahahahahahahaha e o palhacinho hahahahahahahaha.

foi nessa época que eu conheci o sábio escapista que explicou pra mim que a arte do escapismo é voltar para dentro, e que o que se encontra dentro sempre esteve e sempre estará dentro, e nunca fora. nessa época eu me desenvolvi bastante na arte do escapismo, mas sempre que eu estava prestes a escapar chegava o macaco gordo BUM BUM BUM e estragava tudo, dizendo isso não é do teu feitio olha pra mim tu acha que precisava fazer isso eu nunca precisei fazer isso engole, e a flor hahahahahahahaha e o palhacinho hahahahahahahaha e o sábio escapista hahahahahahahaha.

outrora eu achava importante emergir do meu escapismo, e dar e receber um abraço desse enorme macaco gordo ignorante e sem coração chamado humanidade, mas agora eu estou bem com tudo isso. eu amadureci. agora eu entendi que o palhacinho quer brincar comigo porque ele quer ser meu amigo, que a flor ri de mim não porque ela é má mas porque ela me acha engraçado, e que só porque o macaco gordo é gordo e vive engolindo a gosma dos outros não quer dizer que ele vá engolir a minha.

Quinta-feira, 29 maio, 2014
24 notas
Reblogar
eu tentava parar mas sempre que eu parava o meu pulmão começava a cuspir essa gosma pegajosa e nojenta, e eu pensava essa gosma precisa ir para algum lugar, e na melhor das intenções eu oferecia a minha gosma para o macaco gordo, porque afinal de contas ele é gordo e come de tudo, mas ele bateu na minha mãe e disse isso não é do teu feitio olha pra mim tu acha que precisava fazer isso eu nunca precisei fazer isso engole essa gosma.
nessa época todo dia eu saía de casa e via o palhacinho do outro lado da rua me olhando, e eu dava bom dia pra ele bom dia palhacinho bom dia menino-hitler hahaha que engraçado vamos brincar? outro dia palhacinho outro dia, nessa época todo dia também eu caminhava pela calçada e via a flor mais bonita do mundo rindo de mim e eu falava flor, você é a flor mais bonita do mundo, mas é uma flor muito má, e a flor hahahahahahahaha.
uma vez eu quase fiquei amigo da flor mais bonita do mundo, eu tava caminhando pela calçada e eu vi a flor, e ela começou a rir de mim, e eu disse flor, você é a flor mais bonita do mundo, mas é uma flor muito má, e ela hahahahahaha, e então eu expliquei pra ela que se eu quisesse eu arrancava as raízes dela do chão esmagava as pétalas dela e dava pro meu cachorro comer, mas na mesma hora chegou o macaco gordo BUM BUM BUM e estragou tudo, dizendo isso não é do teu feitio olha pra mim tu acha que precisava fazer isso eu nunca precisei fazer isso engole, e a flor hahahahahahahaha e o palhacinho hahahahahahahaha.
foi nessa época que eu conheci o sábio escapista que explicou pra mim que a arte do escapismo é voltar para dentro, e que o que se encontra dentro sempre esteve e sempre estará dentro, e nunca fora. nessa época eu me desenvolvi bastante na arte do escapismo, mas sempre que eu estava prestes a escapar chegava o macaco gordo BUM BUM BUM e estragava tudo, dizendo isso não é do teu feitio olha pra mim tu acha que precisava fazer isso eu nunca precisei fazer isso engole, e a flor hahahahahahahaha e o palhacinho hahahahahahahaha e o sábio escapista hahahahahahahaha.
outrora eu achava importante emergir do meu escapismo, e dar e receber um abraço desse enorme macaco gordo ignorante e sem coração chamado humanidade, mas agora eu estou bem com tudo isso. eu amadureci. agora eu entendi que o palhacinho quer brincar comigo porque ele quer ser meu amigo, que a flor ri de mim não porque ela é má mas porque ela me acha engraçado, e que só porque o macaco gordo é gordo e vive engolindo a gosma dos outros não quer dizer que ele vá engolir a minha.
Terça-feira, 20 maio, 2014
1 nota
Reblogar
39 reproduções

saio da fossa das marianas porque lá não era um lugar ruim. deslizo a luz e penso sobre a minha companhia.

essas coisas acontecem porque o nosso cérebro só presta atenção em algumas coisas, no sentido de que se nós prestássemos atenção em tudo o que poderíamos prestar atenção, isso não aconteceria.

eu, que outrora jantei com os meus algozes, agora tomo café com caranguejos. NOSSA CARA EU AMO COISAS, eles não podem me ensinar nada, SÉRIO TU NÃO TEM NOÇÃO EU AMO TIPO………………….. MUITO, nem me deixar com tesão. mas isso não é sobre aprender o que já se sabe ou receber o que já se tem.

é algo sobre a fumaça sântica pai-satã da sujeira sântica y suja de eu-não-aguento-mais everything means nothing to me.

poderia eu mostrar a minha smile.jpg?

poderia eu suportar a minha smile.jpg?

deveria eu suportar a minha smile.jpg?

então eu me sento e espero pela minha companhia.

a confusão das mentes, o abismo entre os corpos, os caranguejos que são meus algozes, os algozes que são meus caranguejos, a força que nós pensamos que temos.

tu inútil, tu eu-não-aguento-mais everything means nothing to me.

e então eu penso se em algum lugar para além do pânico do meu casco existe alguma lâmpada completamente cega e completamente desconectada ligada na minha. NÃO

bioluminescência e tal. NÃO

deve existir. NÃO NÃO

deveria. NÃO NÃO NÃO NÃO NÃO NÃO

algumas coisas deveriam vencer maus hábitos, outras coisas deveriam x. algumas coisas deveriam parar de sonhar com al otro lado del río e aprender a olhar para everything means nothing to me e manter as patinhas mais firmes no everything means nothing to me e tentar acostumarem-se ao cheiro de everything means nothing to me, mas outras poderiam ser menos I-N-S-U-F-I-C-I-E-N-T-E-S.

eu tentei ser menos I-N-S-U-F-I-C-I-E-N-T-E mas ultimamente tem sido como se everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to mem=kjl=~]o-=~]hy]]

Segunda-feira, 19 maio, 2014
1 nota
Reblogar
saio da fossa das marianas porque lá não era um lugar ruim. deslizo a luz e penso sobre a minha companhia.
essas coisas acontecem porque o nosso cérebro só presta atenção em algumas coisas, no sentido de que se nós prestássemos atenção em tudo o que poderíamos prestar atenção, isso não aconteceria.
eu, que outrora jantei com os meus algozes, agora tomo café com caranguejos. NOSSA CARA EU AMO COISAS, eles não podem me ensinar nada, SÉRIO TU NÃO TEM NOÇÃO EU AMO TIPO………………….. MUITO, nem me deixar com tesão. mas isso não é sobre aprender o que já se sabe ou receber o que já se tem.
é algo sobre a fumaça sântica pai-satã da sujeira sântica y suja de eu-não-aguento-mais everything means nothing to me.
poderia eu mostrar a minha smile.jpg?
poderia eu suportar a minha smile.jpg?
deveria eu suportar a minha smile.jpg?
então eu me sento e espero pela minha companhia.
a confusão das mentes, o abismo entre os corpos, os caranguejos que são meus algozes, os algozes que são meus caranguejos, a força que nós pensamos que temos.
tu inútil, tu eu-não-aguento-mais everything means nothing to me.
e então eu penso se em algum lugar para além do pânico do meu casco existe alguma lâmpada completamente cega e completamente desconectada ligada na minha. NÃO
bioluminescência e tal. NÃO
deve existir. NÃO NÃO
deveria. NÃO NÃO NÃO NÃO NÃO NÃO
algumas coisas deveriam vencer maus hábitos, outras coisas deveriam x. algumas coisas deveriam parar de sonhar com al otro lado del río e aprender a olhar para everything means nothing to me e manter as patinhas mais firmes no everything means nothing to me e tentar acostumarem-se ao cheiro de everything means nothing to me, mas outras poderiam ser menos I-N-S-U-F-I-C-I-E-N-T-E-S.
eu tentei ser menos I-N-S-U-F-I-C-I-E-N-T-E mas ultimamente tem sido como se everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to me everything means nothing to mem=kjl=~]o-=~]hy]]

[AVISO! VOCÊ PRECISA LER ISSO]

mesmo que nada do que eu diga dure mais de um dia e eu praticamente abandonei praticamente tudo a minha vida toda, eu não queria ter acordado hoje sabe, e isso é tão real quanto um menino comportado caranguejeiras no estômago subversivo mas educado.

gosto de meditação transcedental quando não se fala espanhol, e eu gosto do mujica, mas acho que ele não gosta de mim. mergulhei no poço dos desalmados, água bolhas rosa i want you sala de espera mel i want you, e lá não tem nenhum desalmado, só tem eu. 

oi.

você precisa saber da chacina, da guilhotina, da heroína, da dopamina você precisa saber de mim, baby você precisa roer as unhas no lugar do caralho, tomar um x, ouvir aquela canção do zé ramalho (cruzes) baby, você precisa aprender não sei o que, precisa saber que eu me x, e até nunca mais e até nunca mais e até nunca mais e até nunca mais e até nunca mais e até nunca mais e até nunca mais.

Sexta-feira, 16 maio, 2014
20 notas
Reblogar
[AVISO! VOCÊ PRECISA LER ISSO]
mesmo que nada do que eu diga dure mais de um dia e eu praticamente abandonei praticamente tudo a minha vida toda, eu não queria ter acordado hoje sabe, e isso é tão real quanto um menino comportado caranguejeiras no estômago subversivo mas educado.
gosto de meditação transcedental quando não se fala espanhol, e eu gosto do mujica, mas acho que ele não gosta de mim. mergulhei no poço dos desalmados, água bolhas rosa i want you sala de espera mel i want you, e lá não tem nenhum desalmado, só tem eu. 
oi.
você precisa saber da chacina, da guilhotina, da heroína, da dopamina você precisa saber de mim, baby você precisa roer as unhas no lugar do caralho, tomar um x, ouvir aquela canção do zé ramalho (cruzes) baby, você precisa aprender não sei o que, precisa saber que eu me x, e até nunca mais e até nunca mais e até nunca mais e até nunca mais e até nunca mais e até nunca mais e até nunca mais.

isaac, por que tu anda tão triste? 
tu precisa sair mais, se divertir, desse jeito vai morrer de tristeza.
por que tu tá numa festa se tu tá triste, isaac?

isaac folk:
latir para os outros cachorros, fazer buraco no quintal e lamber as minhas partes não é mais divertido, o cheiro da rua me é indiferente, o gosto da banana e do pãozinho não é mais o mesmo e a comida da olga não tem mais graça porque i want you i want youu yees i want you so bad honey i want you.

minha autoestima está morta e meu ânimo para a vida também, não saio mais da minha casinha nem demarco território e quando não estou dormindo eu estou suspirando porque i want you i want youuu yes i want you so bad honey i want you.

isaac grunge:
eu sei que um dia tu vai ter uma vida perfeita, eu sei que tu vai ser a razão do rabo abanando de alguém.
mas por que?
por que?
POR QUE??
não pode ser
O MEU???

ó, isaac, então as coisas são assim?
tsc tsc pobre isaac.

Segunda-feira, 12 maio, 2014
7 notas
Reblogar
isaac, por que tu anda tão triste? tu precisa sair mais, se divertir, desse jeito vai morrer de tristeza.por que tu tá numa festa se tu tá triste, isaac?
…
isaac folk:latir para os outros cachorros, fazer buraco no quintal e lamber as minhas partes não é mais divertido, o cheiro da rua me é indiferente, o gosto da banana e do pãozinho não é mais o mesmo e a comida da olga não tem mais graça porque i want you i want youu yees i want you so bad honey i want you.
minha autoestima está morta e meu ânimo para a vida também, não saio mais da minha casinha nem demarco território e quando não estou dormindo eu estou suspirando porque i want you i want youuu yes i want you so bad honey i want you.
…
isaac grunge:eu sei que um dia tu vai ter uma vida perfeita, eu sei que tu vai ser a razão do rabo abanando de alguém.mas por que?por que?POR QUE??não pode serO MEU???
…
ó, isaac, então as coisas são assim?tsc tsc pobre isaac.
1



Theme